quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Campanha "Doe um livro" termina com 160 mil obras arrecadadas


A ação, que teve início no Twiter no Natal, terminou no fim de janeiro

Julia Benvenuto

Doar livros não faz parte dos nossos hábitos, mas a gente está pronto para aprender. Uma campanha que começou no Natal e terminou no fim de janeiro quis mudar esse costume e mexer com as estantes das casas. Estamos falando da campanha "Doe um livro", que arrecadou 160 mil livros - um número que ainda pode aumentar, já que nem todas as doações foram contabilizadas ainda.

A iniciativa nasceu de um twiteiro, que aparentemente não quer muita atenção para ele, chamado Heber Dias de Sousa. Ele resolveu colocar nos espaço de 140 caracteres do seu Twiter uma despretensiosa sugestão: a de repassar os livros que não são mais usados. Inspiradas na ideia, várias pessoas começaram a realizar as suas doações em entidades locais, como escolas e bibliotecas públicas. Mas foi somente com a ajuda do professor universitário e curador do Prêmio Jabuti José Luiz Goldfarb e a professora mineira Laura Furquim Xavier que o projeto ganhou destaque e ultrapassou as barreiras do mundo virtual.

A ação passou a ter logo próprio , um blog e parceria da Fundação Abrinq, da ONG Visão Mundial, do "Sempre um Papo", da Livraria Cultura e da rede farmácias Droga Raia. Ao todo, foram 300 postos de coleta instalados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Paraná e Rio Grande do Sul que receberam títulos não didáticos, de literatura infantil, infanto-juvenil e adulto. Esses livros serão encaminhados para comunidades carentes em todo o país.

Para Goldfarb, muito ainda deve ser feito pelo incentivo da leitura no país. "O hábito de ler tem que estar ligado ao prazer e não à obrigação, e uma campanha como esta pode divulgar essa ideia. Nós pretendemos continuar este tipo de ação durante o ano todo", diz. Depois do sucesso dessa iniciativa, a previsão é de que uma nova campanha comece em abril.

Fonte: Revista Crescer

2 comentários:

  1. Ótima ação!

    Desta forma construiremos cabeças melhores, que busquem as soluções de uma forma mais adequada!

    Parabéns!

    Provos Brasil

    ResponderExcluir
  2. Olá Heber ! Boa noite !

    Parabéns pela iniciativa !

    Participei da campanha no twitter e desejo vê-la de novo na midia.

    Abração

    Paulo

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...