quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Varreram o servidor dos atos secretos pra baixo do tapete

Aí só da pra cantar o melô da vassoura mesmo:

Dança da Vassoura
Molejo

Diga aonde você vai
Que eu vou varrendo
Diga aonde você vai
Que eu vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo...




Senado transfere servidor que escondeu atos

Agência Estado
Por Leandro Colon

Brasília - O servidor Franklin Paes Landim perdeu a chefia de publicação dos boletins administrativos do Senado. Ele foi transferido para a gráfica da Casa. Landim envolveu-se no escândalo dos atos secretos, uma das revelações que atingiram a presidência do peemedebista José Sarney (AP). Paes alegou que recebia ordens dos ex-diretores Agaciel Maia e João Carlos Zoghbi para não publicar as medidas.

Landim foi também o responsável pela inserção, em segredo, dos boletins no sistema de publicação do Senado, entre abril e maio, a mando do então diretor de Recursos Humanos, Ralph Siqueira. A estratégia era tentar atrapalhar as investigações internas sobre a existência de atos secretos. No dia 10 de junho, o jornal O Estado de S.Paulo revelou a manobra e o conteúdo do boletins administrativos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...