quarta-feira, 22 de julho de 2009

Fernando Sarney quer ferrar X9

O filho do Sassá ficou puto de ser cagoetado. Agora ele quer ferrar o X9 que o entregou. Tanto é que contratou Eduardo Ferrão ( não poderia ser outro ) para convencer todo mundo que dedurar é "conduta criminosa".

Pelos padrões de ética vigentes no senado, ele deve ter razão. Protógenes que o diga. A gangue do Ali Sassá vai tentar levar o responsável pelas gravações para a guilhotina.

Êta grampinho marvado... Já não se pode negociar cargos em Brasília tranquilamente, que tem um "X9 criminoso" gravando tudo pra te lascar no futuro. É mole?

**************************



Em nota, advogado de Fernando Sarney condena vazamento de diálogos

Divulgação de gravações da PF é ‘conduta criminosa’, diz Ferrão.
Jornal traz diálogos em que filho de Sarney negocia nomeação com o pai.



Robson Bonin do G1, em Brasília

O advogado Eduardo Ferrão, responsável pela defesa do Fernando Sarney, divulgou nota nesta quarta-feira (22) classificando como “conduta criminosa” o vazamento das gravações do inquérito da Operação Boi Barrica, que tramita sob segredo de justiça.

Reportagem publicada pelo jornal "O Estado de S. Paulo" nesta quarta revela diálogos gravados pela Polícia Federal que evidenciariam a prática de nepotismo pela família Sarney no Senado e ligariam o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP) ao ex-diretor-geral Agaciel Maia e aos atos secretos.

“O Inquérito, do qual foram retirados os diálogos divulgados pela imprensa, tramita sob segredo de justiça por força de lei, cuja inobservância, esta sim, constitui conduta criminosa”, afirma Ferrão na nota.

O advogado argumenta que a “propagação (dos diálogos), por meio da internet e outros órgãos de imprensa, constitui flagrante e inaceitável atentado a garantias estampadas na Constituição Federal”.

Ferrão também afirma que as gravações reveladas pelo jornal é uma “divulgação mutilada” de trechos de longas conversas telefônicas mantidas entre familiares, as quais não revelam a prática de qualquer ato ilícito, argumenta o advogado.

O defensor afirma que Fernando Sarney vai adotar medidas para cobrar a punição dos responsáveis pelo vazamento das gravações e conclui: “A defesa dos ofendidos reitera, por fim, sua confiança na serenidade e discernimento das instituições do País em relação à matéria.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...