sexta-feira, 31 de julho de 2009

Guerra de merda no senado - Toma lá da cá


Enquanto isso no senado:



“No momento que eles assinaram as representações eles pediram uma resposta. O PMDB não acha que isso é a solução, mas teve que encaminhar para algo recíproco.” Renan Calheiros (AL), líder do PMDB no Senado, anunciando que na próxima semana seu partido irá apresentar uma representação no Conselho de Ética contra o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM); os tucanos entraram com representações contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP)

Crédito da charge: Ivan Cabral (adaptada)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...