segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Nero Sarney - Enquanto Brasília pega fogo (que ele ateou) ele toca sua lira


José Sarney discursa mais de meia hora sobre Euclides da Cunha, como se tudo estivesse na mais perfeita ordem e paz. E ainda por cima, se grila com Eduardo Suplicy, quando este, o interrompe tentando trazer seu bigode para o mundo real. Ou Sarney está completamente esclerosado, ou então, é o maior cara-de-pau que este Brasil já conheceu. Roma está pegando fogo e o Nero Sarney tocando sua lira. Esse cara é de lascar...


Montagem da charge by Prosa Política

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...