quinta-feira, 20 de agosto de 2009

PMDB e PT decidem ressuscitar CPMF

Alguém aí se lembra da famigerada CPMF (Contribuição Provisória sobre a Movimentação ou Transmissão de Valores e de Créditos e Direitos de Natureza Financeira)? Como esquecer essa sigla que mordia toda a grana do país a cada passinho pra frente ou passinho pra trás que ela precisasse andar. Pois saibam todos quantos essa reportagem lerem que a bancada do PMDB fecha posição após reunião com o ministro Temporão pela criação de contribuição específica para a saúde. Alíquota da CSS seria de 0,1%; gasto com gripe suína é usado para justificar nova contribuição, em momento de queda na arrecadação. Mais uma insanidade do governo (PT e PMDB) para espoliar o trabalhador brasileiro. Lula já disse que sua maior mágoa foi terem dado fim na CPMF. Ele não vai descansar enquanto não trazê-la de volta, seja lá com que nome for. Eles propõe uma alíquota menor, e depois, evidentemente, começam a reajustá-la gradativamente e pronto, tudo como antes no castelo de Abrantes.



PMDB e PT apoiam criação de nova CPMF

da Folha Online

Hoje na Folha Em momento de queda na arrecadação de tributos federais, o PMDB, maior partido do Congresso e principal aliado do governo, decidiu apoiar a recriação da CPMF, batizada agora de CSS (Contribuição Social para a Saúde), informa reportagem de Maria Clara Cabral, com colaboração de Ângela Pinho, para a Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal).

Nesta quarta-feira, em reunião com o ministro José Gomes Temporão (Saúde) no Congresso, a bancada peemedebista fechou questão favorável ao término da votação do projeto que regulamenta a emenda constitucional 29, destinando mais recursos para a saúde e que ao mesmo tempo cria a CSS, com alíquota de 0,1%.

Agora, o discurso oficial do PMDB é que a saúde precisa de mais recursos devido à gripe suína. O compromisso, que também conta com o apoio também do PT, é votar a proposta no máximo até setembro na Câmara.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...