sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Corrupção é contagiosa - Para preservar a saúde moral dos brasileiros visitas ao senado estão suspensas

Quem não tiver medo de se contaminar com o vírus da corrupção desenfreada que domina o senado, que se arrisque a fazer uma visitinha por lá. José Sarney demite a diretora da Secretaria de Cominicações e nomeia seu pupilo e braço direito há 25 anos. Agora proíbe totalmente as visitas alegando precaução com a gripe suína. Suínos são os atos secretos que eles aprontam por lá todos os dias. Já não sabemos quanta lama há por lá. Mas que pocilga em? Se é profilaxia, então vá lá... para não contaminar os visitantes com Corrupção Aguda e Cara-de-pautite crônica.

Visitas ao Senado estão suspensas todos os dias, segundo Direção Geral

Claudia Andrade
Do UOL Notícias
Em Brasília

Ao contrário do que o primeiro-secretário do Senado, Heráclito Fortes (DEM-PI), informou à imprensa e afirmou em plenário nesta quinta-feira (13), as visitas a Casa estão suspensas todos os dias e não apenas nos dias úteis.

Estudantes pedem saída de Sarney



O comunicado da Direção Geral do Senado sobre o assunto, distribuído no início desta semana, afirma somente que o "Tour do Senado" estaria suspenso temporariamente devido à gripe suína. Nenhuma ressalva aos finais de semana.

Ao discursar em plenário, nesta quinta, Heráclito disse que havia tomado a iniciativa de "suspender as visitas durante a semana". Aos jornalistas, afirmara que "as visitas não estão suspensas, mas vão ficar restritas a sextas, sábados e domingos, porque não funciona e é o tempo de se fazer a profilaxia nas áreas".

Contudo, as áreas que cuidam da visitação seguirão o que ficou estabelecido por meio do comunicado assinado pelo diretor-geral Haroldo Tajra: a suspensão temporária do serviço. Ou seja, os turistas não poderão conhecer o Senado enquanto durar a suspensão. O comunicado destaca as principais medidas de prevenção à doença, como lavar as mãos frequentemente.

A Câmara dos Deputados adotou medidas de prevenção à gripe, como dispensar as funcionárias gestantes e distribuir álcool gel, antes de o Senado anunciar que faria o mesmo. As visitas, no entanto, foram mantidas.

O tour, que incluía as duas Casas legislativas, agora está sendo feito apenas nas dependências da Câmara. O setor responsável afirma que a ideia é manter a Câmara "o mais aberta possível" aos visitantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante aqui. Ao comentar você nos incentiva a continuar nosso trabalho. Responderei neste mesmo espaço. Vamos prosear...